Falta De Ar, Tosse E Dificuldade De Respirar Estão Entre Sintomas Da Asma

Falta de ar, tosse e dificuldade de respirar estão entre sintomas da asma

A asma é a inflamação das vias aéreas ou brônquios (tubos que levam o ar para dentro dos pulmões).

Trata-se de uma doença crônica (não tem cura, apenas controle) que atinge cerca de 300 milhões de pessoas, de todas as idades, em todo o mundo.

Estima-se que no Brasil existam aproximadamente 20 milhões de asmáticos.

Atualmente, com a melhor compreensão da doença por parte dos portadores e a distribuição de medicamentos para os pacientes asmáticos graves, vem-se observando uma queda no número de internações e mortes por asma no Brasil. 

Entre os sintomas da asma estão:

  • falta de ar ou dificuldade para respirar;
  • sensação de aperto no peito ou peito pesado;
  • chio ou chiado no peito; e
  • tosse.

Esses sintomas variam durante o dia, podendo piorar à noite ou de madrugada e com as atividades físicas.

O diagnóstico é feito pela consulta clínica com o médico.

Havendo suspeita de asma, ele irá pedir uma prova de função respiratória ou espirometria.

No exame, o paciente vai soprar em um computador, que transformará a quantidade de ar que sai em números.

Estes números irão confirmar se o quadro é mesmo de asma.

Gatilhos da Asma

A causa exata da asma não é conhecida, mas acredita-se que é causada por fatores genéticos (história familiar de asma ou rinite) e ambientais.

São chamados de gatilhos os fatores que, quando o asmático é exposto, podem piorar o quadro e aparecer os sintomas.

São eles: ácaros, fungos, polens, animais de estimação, fezes de barata, infecções virais, fumaça do cigarro, poluição ambiental e exposição ao frio.

Por ser uma doença variável, a asma requer tratamento individualizado.

A maioria dos pacientes é tratada com: medicação controladora ou de manutenção – para prevenir o aparecimento dos sintomas e evitar as crises; e medicação de alívio ou resgate – para aliviar os sintomas quando houver piora da asma.

Bombinhas

As chamadas bombinhas são medicações inalatórias usadas no tratamento da asma.

É importante esclarecer que elas não viciam. Acontece que, as vezes, a pessoa precisa usar continuamente, dando a impressão de estar viciado.

Os corticoides inalados são as medicações mais importantes para o tratamento da asma. Eles são seguros e não causam nenhum dano à saúde.

Fonte – Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.