Férias Escolares: Cuidados Para Garantir A Segurança Das Crianças

Férias escolares: cuidados para garantir a segurança das crianças

Julho é mês de férias escolares. Isso significa que as crianças estarão em casa por mais tempo.

Sedentas em descobrir o mundo e viverem novas aventuras, as crianças nem sempre conseguem ver onde está o perigo.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Pediatria entre 80% e 90% dos acidentes com crianças acontecem dentro de casa.

Pensando nisso, enumeramos várias dicas, para ajudá-lo a tornar sua casa mais segura para as crianças.

  • Mantenha fósforo, álcool, facas, objetos cortantes, produtos de limpeza e sacos plásticos fora do alcance das crianças.
  • Use as bocas de trás do fogão e vire o cabo das panelas para o centro ou para trás.
  • Fique atento para que as plantas que mantém em casa não sejam tóxicas ou venenosas. Elas não combinam com crianças.
  • Faça sempre a manutenção nas redes de proteção de janelas e sacadas.
  • Mantenha baldes e bacias virados para baixo; caixas d’água e cisternas sempre bem fechadas.
  • Se tiver piscina em casa, instale uma cerca ao seu redor. Se for uma piscina inflável, ao final do uso esvazie e vire para baixo.
  • Mantenha medicamentos, antissépticos bucais e demais produtos que ofereçam perigo de intoxicação, em um armário trancado.
  • Em hipótese alguma deixe uma criança sozinha na banheira.
  • O vaso sanitário deve estar sempre tampando.
  • Em relação aos brinquedos, veja se eles têm o selo do Inmetro, e se a criança se encaixa na idade indicada.
  • Os brinquedos devem estar sempre em locais de fácil acesso para as crianças, evitando que elas se machuquem ao tentar pegá-los.
  • Esteja atento as quinas de móveis, use sempre proteção para evitar acidentes. O mesmo vale para as tomadas elétricas, use vedação.
  • Casas com escadas devem ter portões de segurança, no topo e na base.
  • Os bebês podem ser sufocados por alguns brinquedos ou travesseiros, por isso fique atento a tudo que está dentro do berço.
  • A cozinha, devido aos objetos que abriga, é considerada o lugar mais perigoso da casa. Sempre que possível, evite que as crianças brinquem no local, especialmente se elas estiverem na fase “conhecendo o mundo”, onde todos os detalhes podem chamar sua atenção.

Fontes – Portal Revista Crescer; Portal ONG Criança Segura (menu – notícias);  e Portal Criança em Foco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.