CARREGANDO

Digite uma Pesquisa

Emergência hospitalar: alguns sintomas não podem esperar

A pandemia de covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2), provoca comportamento perigoso em muitas pessoas: o medo de buscar assistência médica nas emergências hospitalares.

Isso preocupa médicos e profissionais de saúde. O adiamento de consulta e de socorro, em determinados casos, tem agravado quadros clínicos e fazem surgir problemas de saúde bem mais graves. 

Por isso, o AUSTA hospital segue todas as recomendações de segurança e cuidado de órgãos e instituições responsáveis, para atender não só pacientes com síndromes respiratórias, como de todas as patologias, visando a saúde e prevenção. 

AUSTA hospital – ambiente seguro

Para garantir a segurança e tranquilidade das pessoas que procuram nosso hospital, o AUSTA alterou fluxos e implantou uma unidade exclusiva para atender pessoas com problemas respiratórios e covid-19.

O AUSTA é a única instituição de saúde da região a ter uma unidade totalmente dissociada do hospital para atender e oferecer tratamento a pacientes com síndromes respiratórias, inclusive a covid-19 (foto). 

Assim, os pacientes com outros problemas de saúde são atendidos na emergência do hospital, distante e totalmente separada desta unidade.

Caso tenha um ou mais sintomas dos listados abaixo, é imprescindível que o paciente busque o serviço de emergência:

 

  • Dor no peito, como aperto, com ou sem irradiação para pescoço e membros superiores
  • Dor de cabeça intensa, nova ou diferente de padrão habitual
  • Desmaio, tontura ou fraqueza repentina
  • Alteração brusca do estado mental ou quadro de confusão mental
  • Perda de força ou dormência em membros
  • Dificuldade para respirar ou sensação de falta de ar
  • Vômitos ou tosse com sangue
  • Dor abdominal aguda
  • Diarreia ou vômito persistentes
  • Dor súbita em membros sem história de trauma ou esforço físico
  • Febre alta (acima de 38,5) por mais de dois dias

Além disso, na Emergência e em todo o hospital, são adotadas medidas preventivas e de segurança, EPIs, uso de máscara, álcool gel disponível em vários pontos e distanciamento entre poltronas de espera e guichês de medicação, entre outras.

O AUSTA hospital, desta forma, assegura que Emergência, centro cirúrgico, exames de diagnóstico por imagem, laboratório, assim como todos os seus serviços, seguem funcionando normalmente para continuar a oferecer atendimento com a mesma excelência e qualidade de sempre.

 

Fonte: Ministério da Saúde. 

 

Tags:
Skip to content