AUSTA Ocupacional

É uma empresa especializada na área de consultoria em segurança e medicina do trabalho que contribui com a melhoria das condições de vida e de trabalho dos colaboradores das empresas clientes. Com uma equipe multidisciplinar formada por profissionais especializados em medicina do trabalho, enfermagem, engenharia de segurança e técnico de segurança do trabalho, o AUSTA ocupacional oferece todo o suporte necessário para o cumprimento rigoroso da legislação de saúde com soluções adaptadas para cada empresa.

Segurança

Para garantir a segurança do trabalhador, as empresas públicas e privadas devem seguir normas regulamentadoras (NR) relacionadas à segurança e medicina do trabalho, dirigidas às suas áreas de atuação. Caso essas normas não sejam seguidas, as empresas poderão sofrer penalidades.

O objetivo comum é tornar o ambiente de trabalho acessível, inclusive para profissionais com necessidades físicas especiais, e com infraestrutura adequada.

A CLT (Consolidação das Leis Trabalhista) traz um capítulo destinado à área de segurança e medicina do trabalho, onde destaca que, além da empresa ter o dever de implementar todas as normas, deve ensinar os empregados a tomarem todas as medidas para prevenir acidentes ou doenças ocupacionais.

Também existem órgãos específicos por fiscalizar atividades relativas a várias áreas.
Um destaque é a CIPA – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, que segue normas do Ministério do Trabalho.

A Comissão é composta por trabalhadores que visam encontrar, dentro de determinada empresa, soluções que garantam a saúde e segurança dos colaboradores.

Sua criação é obrigatória, e o número de membros que irá compô-la se dá pela quantidade de colaboradores.

Conheça alguns dos programas e serviços do AUSTA Ocupacional:

• Exames periódicos, admissionais, demissionais e de retorno ao trabalho

• PCMSO – Programa de controle médico de saúde ocupacional

• PPRA – Programa de prevenção de riscos ambientais – NR 9

• LTCAT – Laudo técnico das condições ambientais do trabalho

• PPP – Perfil profissiográfico previdenciário

• Treinamentos para NR 35, NR 06, NR 11

• Laudo de Insalubridade e Periculosidade

• Laudo para PNE (Portador de Necessidades Especiais)

• Treinamento de capacitação para membros e designados da CIPA

• Brigada de Incêndio

Saiba Mais

Exames periódicos, admissionais, demissionais e de retorno ao trabalho

Os exames ocupacionais têm a finalidade de:

Para o empregador: redução do absenteísmo motivado por doenças; redução de acidentes potencialmente graves; garantia de empregados mais adequados à função com melhor desempenho; evitar as implicações legais pela falta de atendimento à sua obrigatoriedade.

Para os empregados: garantia da manutenção das condições de saúde para o desempenho da função; minimizar a chance de arbitrariedades em caso de doença ou acidente.

Eles devem ser realizados:

Admissional – antes que o trabalhador assuma suas atividades.

Periódico – para trabalhadores expostos a riscos ou portadores de doenças crônicas (anualmente, ou em intervalos menores); e para demais trabalhadores (anualmente para menores de 18 e maiores de 45 anos; e a cada dois anos para os trabalhadores entre 18 e 45 anos).

Retorno ao trabalho – no primeiro dia de volta ao trabalho, depois de o colaborador ficar ausente por período igual ou superior a 30, por motivo de doença.

Demissional – deve ser realizado até a data de homologação, desde que o último exame médico ocupacional tenha sido realizado há mais de 90 ou 135 dias, dependendo do grau da empresa.

Mudança de Função – entende-se por mudança de função toda e qualquer alteração de atividade, posto de trabalho ou de setor que implique a exposição do trabalhador a risco diferente daquele a que estava exposto antes da mudança.

PCMSO – Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional

Ele especifica procedimentos e condutas a serem adotadas pelas empresas em função dos riscos aos quais os empregados se expõem no ambiente de trabalho.

Tem como objetivo prevenir, detectar precocemente, monitorar e controlar possíveis danos à saúde do empregado. Sua implementação está dentro da legislação em vigor

PPRA – Programa de Prevenção de Riscos Ambientais – NR 9

Seu objetivo é preservar a saúde e integridade dos colaboradores, por meio de análises que visam identificar, evitar e controlar riscos provenientes do ambiente de trabalho.

Assim, são analisados agentes físicos, químicos e biológicos, em função de sua natureza, concentração ou intensidade e tempo de exposição, capazes de causar danos à saúde do trabalhador.

O programa deve apresentar planejamento anual com estabelecimento de metas, prioridades, estratégia e metodologia de ação.

LTCAT – Laudo Técnico das Condições Ambientais do Trabalho

É elaborado com o intuito de documentar a existência, ou não, de insalubridade e periculosidade no ambiente de trabalho.

Serve para fins de documentar a necessidade, ou não, de aposentadoria especial pelo INSS.

Deve ser elaborado por toda empresa que, pelo menos suspeite de atividades que gerem direito a aposentadoria especial.

PPP – Perfil Profissiográfico Previdenciário

O documento possui campos a serem preenchidos com todas as informações relativas ao empregado, como por exemplo, a atividade que exerce, o agente nocivo ao qual está exposto, a intensidade e a concentração do agente, exames médicos clínicos, além de dados referentes à empresa.

Deve ser preenchido pelas empresas que exercem atividades que exponham seus empregados a agentes nocivos químicos, físicos, biológicos ou associação de agentes prejudiciais à saúde ou à integridade física.

Treinamentos para NR 35, NR 06, NR 11

NR 35 – estabelece os requisitos mínimos de proteção para o trabalho em altura, envolvendo o planejamento, organização e a execução. Garante a segurança e a saúde dos trabalhadores envolvidos, direta ou indiretamente com trabalhos em altura, para toda atividade executada acima de dois metros do nível inferior.

NR 06 – trata da EPI (Equipamento de Proteção Individual), ou seja, todo dispositivo ou produto, de uso individual utilizado pelo trabalhador, destinado à proteção de riscos suscetíveis de ameaçar a segurança e a saúde no trabalho.

NR 11 – trata da operação de elevadores, guindastes, transportes industriais e máquinas transportadoras que possuam força motriz própria. Para estes casos os operadores de equipamentos de transporte motorizado deverão ser habilitados e só poderão dirigir se, durante o horário de trabalho, portarem um cartão de identificação, com o nome e foto, em lugar visível.

Laudo de Insalubridade e Periculosidade

Sua finalidade é atender às exigências das normas regulamentadoras, visando a caracterização da insalubridade e/ou periculosidade no ambiente de trabalho de sua empresa. Os maiores benefícios que a sua empresa terá com o desenvolvimento do laudo são a adequação à legislação vigente e a redução de custos com pagamento de insalubridade e periculosidade.

Através dele é estabelecido se os empregados têm ou não direito ao recebimento do adicional de insalubridade.

Laudo para PNE (Portador de Necessidades Especiais)

É um atestado médico que comprove que determinada pessoa é portadora de uma necessidade especial. Empresas com 100 ou mais funcionários são obrigadas a preencher de dois a cinco por cento dos seus cargos com beneficiários reabilitados, ou pessoas portadoras de deficiência.

Treinamento de capacitação para membros e designados da CIPA

A CIPA – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes tem por objetivo atuar na segurança do trabalho, evitando acidentes e doenças ocupacionais.

O treinamento de capacitação deve ser ministrado por um técnico ou engenheiro de segurança do trabalho. Seu objetivo é desenvolver e aprimorar as habilidades dos membros da CIPA, para que possam observar e relatar condições de risco nos ambientes de trabalho, propondo medidas preventivas para reduzir ou eliminar riscos.

Brigada de Incêndio

É um treinamento capaz de habilitar pessoas comuns para atuarem em situações de emergência, seja em seu ambiente de trabalho ou diário, minimizando danos pessoais e materiais. O grupo será capacitado nas áreas de incêndio, resgate e abandono emergencial.

Cada brigadista terá suas funções pré-determinadas, que deve ser executada até a chegada do Corpo de Bombeiros, momento em que poderá atuar no apoio.

Contato

Telefone: (17) 3203-1480

Acesso Agendamento Empresas

Suporte de Assistência Domiciliar
Suporte de Assistência Domiciliar
O S.A.D. é um programa que oferece suporte de Assistência Domiciliar para clientes Austaclínicas
Conheça o Portal PIN-SS
Conheça o Portal PIN-SS
Informações como o registro da operadora, número do cartão SUS, tipo de acomodação e mais
Leia mais
2017 - Grupo Austa - Todos os direitos reservados