AUSTA Hospital Realiza Simulação De Incêndio Com A Participação De Mais De 100 Colaboradores E Do Corpo De Bombeiros

AUSTA hospital realiza simulação de incêndio com a participação de mais de 100 colaboradores e do Corpo de Bombeiros

Por mais que medidas e atitudes sejam adotadas para evitá-los, incêndios podem ocorrer. O importante, portanto, é estar preparado para saber enfrentá-los e minimizar ao máximo as conseqüências. Ciente disso e atendendo a legislação estadual, o AUSTA mantem uma equipe treinada, pronta a agir em caso de incêndio.

Para medir e garantir a eficácia da atuação da Brigada de Incêndio nesta quarta-feira, 15 de novembro, o AUSTA hospital realizou uma grande simulação de incêndio, que mobilizou mais de 100 pessoas, entre brigadistas e colaboradores da instituição e o Corpo de Bombeiros de Rio Preto. A atividade teve início, às 9 horas, em frente do prédio do Centro de Diagnostico do AUSTA hospital.

Tudo foi planejado e organizado para que o simulado se aproximasse ao máximo da realidade, inclusive sem que os colaboradores tivessem conhecimento prévio da operação. A decisão de não informar previamente foi tomada pela área técnica de segurança para medir o grau de preparo dos Brigadistas ao anúncio de incêndio.

Ao final das duas horas de trabalhos, a boa notícia: “Deu tudo certo, como prevíamos e para o qual estamos treinados. Não houve vítimas e constatamos que nossos colaboradores estão prontos, sabendo agir nesta grave situação”, concluiu Camila Olímpio Carmona, coordenadora do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT) do AUSTA hospital.

A mesma avaliação teve o tenente Marcos Vinicius Silvestre Loberto, do Corpo de Bombeiros. “Os brigadistas do AUSTA estão muito bem treinados. Parabéns ao Hospital por realizar simulação pensando em todos os detalhes e envolvendo tanta gente. Esta integração entre o Corpo de Bombeiros e instituições como o AUSTA é muito importante para que nós sejamos efetivos, caso ocorra algum incidente”, declarou o tenente.

Terminado o evento, o subtenente Mauricio Antonio Flauzino coordenou um treinamento de manuseio correto de mangueiras para os colaboradores do AUSTA hospital que participaram do treinamento. “Simulações como esta são fundamentais para avaliarmos bem se nossos brigadistas estão aptos para suas funções e atender, da melhor forma possível, pacientes, acompanhantes e todas as pessoas que estejam no Hospital, caso incêndio aconteça”, declarou Luiz Carlos Tebar, engenheiro do trabalho do AUSTA.

O evento realizado faz parte do planejamento de treinamentos preventivos de acidentes do SESMT da instituição. O Setor mantém uma Brigada de Incêndio atuante, que cumpre um rigoroso cronograma de treinamentos durante todo ano, com o objetivo de capacitar os colaboradores a lidar com situações de risco e oferecer segurança para todas as pessoas que frequentam ou trabalham no local.

The NextGEN gallery with ID/slug: 24 does not exist or is empty.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *