3ª Edição Da 8K Corrida De Rua

3ª Edição da 8K Corrida de Rua

Paulo Alves, de Rio Preto, e Valéria Sanches, de Catanduva, vencem a 3ª edição da 8k Austa Corrida

Paulo Alves dos Santos, da ARPA Smell Rio Preto, e Valéria Sanches Prieto, da equipe Titan Sports Smell Catanduva, foram os vencedores da 3ª Edição da 8k Austa – corrida de rua, realizada na manhã deste domingo (3 de junho). Paulo Alves sagrou-se bicampeão da prova, ao completar em 25 minutos e 18 segundos o percurso de 8 quilômetros, 250 metros. Já Valéria é tricampeã ao concluir em 31 minutos e 7 segundos a prova, que teve 618 competidores e foi organizada pela SBR Sports.

Com pódios em algumas das principais corridas do Brasil, como a São Silvestre, a Volta da Pampulha e Maratona do Rio, Paulo Alves elogiou a organização da 8K Austa, assim como Valéria. “Ano passado, me inscrevi nesta corrida sem conhecê-la e fiquei surpreso com a infraestrutura e segurança que oferece aos atletas”, afirmou o vencedor da prova. “Esta estrutura nos dá tranquilidade para focarmos em nosso desempenho e para os que correm por prazer poderem divertir”, completou Valéria.

A gerente de Marketing do Austa, Luciana Rocha, considerou um sucesso a corrida, que é um dos principais eventos esportivos promovidos pelo Grupo no ano. “Um dos pilares de nossa Instituição é a promoção do esporte e atividades que proporcionem o bem-estar das pessoas das mais diversas idades em nossa comunidade. Ficamos muito felizes ao ver, no rosto de cada atleta, que proporcionamos este bem-estar nesta bela manhã”, afirmou.

A 8K Austa foi disputada em 11 categorias, divididas em idades que variam de 15 a mais de 65 anos, no masculino e feminino. Os cinco primeiros colocados nas categorias masculina e feminina receberam troféus, além de prêmios em dinheiro, num total de 3.000 reais. O primeiro colocado recebe 500 reais, o segundo, 400 reais, o terceiro, 300 reais, o quarto, 200 reais, e o quinto, 100 reais, para homens e mulheres. Todos os participantes receberão medalhas.

Histórias de superação e amor ao esporte

Cada um dos 618 atletas que completou a 8K Austa teve motivos a comemorar, sentindo-se um vencedor. Para três atletas, ou melhor, para três duplas de atletas, somou-se à alegria, ao prazer de mais uma prova completada, o sentimento de superação.

Foi assim para o menino Gabriel Donegar e para a menina Marina, de 4 anos, que, junto com os pais, receberam aplausos entusiasmados ao cruzarem a linha de chegada. Incapacitados de andar por problemas de saúde, eles disputam as provas em cadeiras de rodas, empurradas por seus pais.

Foi Gabriel que, 6 anos atrás, ao assistir reportagem sobre um triatleta que disputava provas empurrando um carrinho adaptado levando o filho, surpreendeu o pai ao pedir: “Quero disputar corridas com você.” Detalhe: o pai, o comerciante José Antônio Donegar, de José Bonifácio, não corria. “Foi ele que me incentivou, me desafiou. Gabriel é um exemplo, mostra aos pais de pessoas especiais que elas devem ser estimuladas. Não pode haver preconceito”, declarou Donegar.

Pois foi ao ver a alegria de José Antônio e Gabriel numa corrida que a auxiliar de enfermagem Sônia Joia tomou duas decisões dois meses atrás: 1ª) começar a correr; 2ª) correr empurrando a cadeira de rodas com a filha Marina. O marido, o segurança e corredor Paulo Mariano, aprovou na hora, e hoje os três são presença constante nas competições, ao lado de Gabriel e José Antônio. “Queremos mostrar que Marina não é deficiente. Ela é diferente. As pessoas com deficiência precisam sair de casa, conviver com os outros”, ensina Sônia.

É o que faz há 18 anos o aposentado Carlos Alberto da Rocha, cuja cegueira não foi obstáculo para escolher a corrida como esporte justamente por ser ao ar livre e proporcionar o contato com centenas, milhares de pessoas. Contatos que se transformam em amizades, como a da secretária Estela Fernandes, sua guia na corrida 8K Austa.  “Sinto-me maravilhoso ao final de toda a prova. Além do bem-estar que correr me traz, sei que, com meu exemplo, incentivo outros cegos a correr também ou que eles podem fazer coisas que antes pensavam ser impossíveis”, disse Carlos Alberto.

Classificação final

Masculino

1º Paulo Alves dos Santos                    ARPA Smell  Rio Preto                 25min18seg

2º Elessandro Aparecido de Oliveira    Doe Órgãos Salve Vida               25min58seg

3º Anderson Souza Cruz                       ARPA Smell Rio Preto                  26min04seg

4º Gilmar Lopes da Silva                       ARPA Smell Rio Preto                  26min34seg

5º Eduardo César de Oliveira                Doe Órgãos Salve Vida               27min18seg

Feminino

1º Valéria Sanches Prieto                      Titan Sports Smell Catanduva         31min07seg

2º Thaynara Alves Pedroso                  ARPA Smell Rio Preto                      31min22seg

3º Vilma Pires de Souza                        ITB Birigui                                          32min27seg

4º Silvia Maria Ferreira                           ARPA Smell Rio Preto                      32min43seg

5º Rosemeire Santana Arena               Cozimax Rio Preto                            32min48seg

Clique em qualquer foto para compartilhar:

[justified_image_grid ng_gallery=1]

This Post Has One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *